Octávio Caumo Serrano

Se quiser que o bom Deus sempre o perdoe,
Trate de perdoar o outro também;
Senão há de ficar rogando o bem,
Sem merecer que Ele o abençoe.

Quem quiser ir feliz, rumo ao além,
Seja sempre o primeiro que se doe,
Sem remoer por algo que o magoe
E sempre perdoar, não importa a quem!

Pedimos na oração dominical:
– Perdoa nossas dívidas e ofensas,
Desde que nós façamos tal e qual…

É um acordo com Deus para que, então,
Possamos exigir as recompensas
Dos bons gestos do nosso coração!

Jornal O Clarim abril 2020